5º TEMA: ARQUITETURA INCLUSIVA. PRECISAMOS FALAR MAIS SOBRE O ASSUNTO

O termo arquitetura inclusiva não é novo, porém só começou a ser utilizado com mais frequência há alguns anos. Este assunto é de extrema importância já que estudos do IBGE de 2021 mostram que cerca de 24% da população do país possuem alguma deficiência física. Como e porquê os profissionais de arquitetura e urbanismo podem contribuir para atuar nessas áreas ?

Mediação:

Conselheira federal Maira Rocha, pelo Rio de Janeiro. Graduada em Arquitetura e Urbanismo, doutoranda no Programa de Pós-graduação em Urbanismo da Universidade Federal do Rio de Janeiro.Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo, com ênfase em Planejamento e Projeto do Espaço Urbano.

 

Convidados:

  • Lorena Eltz: é influenciadora digital e porta-voz de uma geração de jovens que lutam por acessibilidade no Brasil. Nas plataformas digitais, Lorena compartilha sua vida e rotina com a Doença de Crohn. A jovem de 22 anos tem sintomas desta doença desde que nasceu e foi só com cinco anos de idade que a família descobriu o que era o mal-estar que ela sentiu. O que poderia ser um sofrimento se transformou em uma ferramenta de inclusão e acessibilidade nas redes sociais.
  • Kamila do Rocio Conegundes: estudante de Arquitetura e Urbanismo da Universidade do Estado de Santa Catarina

5º TEMA: ARQUITETURA INCLUSIVA. PRECISAMOS FALAR MAIS SOBRE O ASSUNTO